Setor comercial alagoano se beneficia com versatilidade do gás natural

Por Isabela Souza,

Combustível proporciona economia e eficiência energética para diversas aplicações e diferentes tipos de estabelecimentos comerciais

Todos já conhecem a possibilidade de uso do gás natural canalizado em fornos e fogões. Por essa e outras aplicações, a opção pelo combustível como fonte energética em estabelecimentos comerciais vem ganhando força no mercado.

No segmento comercial, as vantagens do uso do gás natural vão da economia a diversos outros benefícios. Com a possibilidade de ser aproveitado em diversas aplicações, o combustível é mais eficiente e seu alto rendimento conquista cada vez mais usuários em Alagoas, entre hotéis, restaurantes, hospitais, lavanderias e academias.

De acordo com dados da distribuidora de gás natural do estado, a Algás, cerca de 600 estabelecimentos já estão interligados para uso do combustível. “Para cada perfil de consumo, existe uma solução energética capaz de reduzir os custos e que está de acordo com o perfil e necessidade de cada estabelecimento”, informa o gerente comercial da Companhia, Fabio Sousa.

Além dos tradicionais usos do gás natural para fornos e fogões em restaurantes, o energético pode ser usado em máquinas de secar roupa em lavanderias e hotéis, aquecimento de água em piscinas e saunas, em calandras, geração de energia, entre outras opções.

Essa é a realidade há anos do restaurante Divina Gula, localizado no bairro da Jatiúca, um dos primeiros estabelecimentos comerciais a fazer uso do gás natural na capital alagoana. “Utilizamos o combustível nas cozinhas e no aquecimento de água. A vantagem da comodidade, segurança, eficiência e economia já nos acompanha desde o primeiro dia de uso”, declara André Generoso, proprietário do restaurante.

O gás natural ainda tem a vantagem de oferecer maior segurança, por não precisar de armazenamento nem estoque em tanques ou botijões, e pelo abastecimento e fornecimento serem contínuos.

A geração e a cogeração de energia a gás natural e o backup para sistemas de energia solar são outras possibilidades de aplicação do combustível. Essas utilizações proporcionam redução do custo operacional, garantia da condição de operação em caso de interrupção de fornecimento de energia elétrica ou solar e baixa emissão de poluentes, assim como já fazem grandes empreendimentos de Maceió, como o Palato Farol, o Hotel Ritz Lagoa da Anta, o Hospital do Coração e o Sesc Poço.

 

Por Isabela Souza